Fases da cicatrização da mamoplastia

Desfilar por aí com os seios lindos depois de colocar silicone é o sonho de muitas mulheres. Felizmente, o resultado da cirurgia é bem rápido. Porém, em relação à cicatrização da mamoplastia, esse processo de recuperação completa pode demorar um pouco mais.

Isso acontece por um motivo: a cicatrização acontece por etapas. Então, neste post, você vai conhecer cada uma delas e descobrir quanto tempo leva para a cicatriz chegar à sua aparência definitiva. Veja a seguir!

Como é o processo de cicatrização da mamoplastia?

Na verdade, a cicatrização de qualquer lesão segue o mesmo processo. Então, com as incisões interna e externa da mamoplastia, não acontece de maneira diferente.

A recuperação de um corte segue as seguintes etapas:

Etapa 1: Homeostase

A homeostase é a reação do organismo com o objetivo de parar o sangramento. Para frear a perda de sangue, o corpo ordena que as células sanguíneas se juntem, formando uma barreira (coágulo).

Dessa forma, o corpo impede que o sangue continue extravasando. Portanto, essa é uma reação de defesa do organismo muito comum após qualquer lesão, inclusive cirúrgica. O resultado é a formação da casquinha.


Aumentar os Seios

Etapa 2: Fase inflamatória

Na fase inflamatória, que dura entre 1 e 4 dias, o corpo tem uma reação bem orquestrada para destruir bactérias. Afinal, elas poderiam entrar pelo corte e contaminar o organismo.

Então, as células de defesa atuam na região da incisão e produzem substâncias que combatem esses agentes invasores. Elas também liberam mecanismos para reparar o corte da maneira mais rápida possível.

Ainda durante a fase inflamatória, o corpo se prepara para que um novo tecido cresça no local. Assim, ele promove uma limpeza, eliminando vestígios de células mortas  para que novas células se desenvolvam.

É importante, durante essa etapa, manter a região lesada úmida. Isso vai facilitar a produção de novas células epiteliais que vão revestir a superfície do corte.

Por isso, é fundamental seguir as orientações do médico. Ele pode orientar a paciente a utilizar curativos com a finalidade de manter a região úmida.

Etapa 3: Fase proliferativa

Perceba que as duas etapas anteriores foram muito rápidas. Porém, a fase proliferativa costuma ser mais longa, variando entre 4 dias para ferimentos simples e 24 dias para lesões complexas, como as de uma cirurgia.

Então, nesse período, o corpo produz bastante colágeno na região afetada, que é para favorecer a reconstrução de um novo tecido.

Embora no início as feridas internas e externas fiquem bem inchadas, aos poucos elas se retraem e reduzem seu tamanho.

A rede de vasos sanguíneos, que havia se rompido durante o corte, começa a ser substituída por uma nova. Assim, as células têm seu suprimento de nutrientes e oxigênio garantido.

Etapa 4: Fase de maturação na cicatrização da mamoplastia

Finalmente, a fase de maturação é a mais longa de todas. No caso das cirurgias, ela pode chegar a 18 ou 24 meses.


Silicone Center

Na fase de maturação, a lesão já está fechada. Porém, agora o organismo tem um novo trabalho: fortalecer o novo tecido e garantir que ele fique mais flexível por meio da reorganização das fibras de colágeno.

O resultado de todo esse período é que a cicatriz fica com uma aparência cada vez melhor e mais parecida com a região à sua volta. Porém, a qualidade dessa pele depende muito dos cuidados tomados pelo paciente no processo de cicatrização.

Agora você já sabe como funciona a cicatrização da mamoplastia e entendeu que o processo é gradativo, sendo necessário um tempo para atingir o resultado final.

E lembre-se quanto maior for o cuidado com a pele e com a saúde, melhores serão as condições de regeneração dos tecidos, garantindo uma cicatriz discreta e quase imperceptível.

E então, gostou do post? Quer saber mais sobre a cicatriz da mamoplastia? Continue aqui no blog e leia um artigo completo sobre esse assunto!

Fale Conosco Pelo Whatsapp


Quer dar um turbinada nos seus seios ? Acesse já o site do Silicone Center, preencha o formulário abaixo ou clique nas imagems abaixo e faça nosso teste e baixe nosso e-book grátis !!


(Preencha, envie e aguarde a confirmação)


Turbinar ou não turbinar

Tudo o que você precisa saber sobre Próteses de Silicone

Simulador de Próteses de Silicone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *