Complicações no pós-operatório do silicone

Compartilhe !

Se você sonha com o silicone, mas treme só de pensar em cirurgia, este post foi feito para ajudá-la. Afinal, se um dos maiores medos é o risco de complicações no pós-operatório, vamos desmistificar esse tema.

Então, se para você só falta vencer esse medo, continue a leitura!

Quais são as principais complicações no pós-operatório?

Embora sejam cada vez mais raras, algumas complicações podem acontecer após a mamoplastia de aumento. Veja as principais:

1. Rejeição da prótese

A rejeição acontece quando o corpo exagera em sua reação para isolar a prótese de silicone dos tecidos naturais da mama.

Por entender que se trata de um objeto estranho, ele cria uma cápsula em volta do implante. Porém, essa membrana começa a engrossar e comprime a prótese.

2. Deslocamento da prótese

O deslocamento da prótese acontece quando ela sai do lugar ideal ou muda sua posição. Assim, ela pode ficar mais alta ou mais baixa que o normal, não ficar com seu centro alinhado à aréola etc.


Aumentar os Seios

3. Simastia

A simastia é um quadro incomum. Nesses casos, o sulco entre os seios é pressionado para a frente, ficando mais alto que o normal.

4. Infecções

Assim como em qualquer cirurgia, a paciente pode sofrer uma infecção. Porém, o risco é o mesmo que a pessoa estaria exposta no caso de um acidente pessoal, como um corte corriqueiro.

5. Cicatrizes inestéticas

Embora não causem nenhum problema de saúde, as cicatrizes inestéticas também são bastante temidas. Queloides ou alargamentos podem deixar a região operada com uma má aparência.

As complicações no pós-operatório do silicone são comuns?

Todos esses problemas tratados no último tópico são cada vez menos comuns. Afinal, as próteses evoluíram, bem como as técnicas cirúrgicas, tornando a recuperação muito tranquila.

Veja como evitar ou solucionar esses problemas!

Uso de próteses e técnicas modernas

Antigamente, as próteses tinham a superfície lisa. Por isso, o sistema de defesa do organismo logo identificava aquele corpo estranho e começava um processo de reação completamente exagerado.

Isso desencadeava aquele processo que já explicamos. Assim, a membrana criada em volta da prótese se tornava cada vez mais grossa, gerando o risco de ruptura do implante e outros sintomas desagradáveis.

Atualmente, isso mudou. As próteses têm a superfície texturizada. Portanto, elas aderem melhor aos tecidos do corpo, tornando essas reações exageradas e os processos de rejeição extremamente raros.

Cuidados que evitam as complicações no pós-operatório

Todas as complicações mencionadas são evitadas facilmente quando a paciente cumpre as recomendações para o pré e pós-operatório.

A simastia, que já é rara, pode ser evitada de uma forma muito simples. Afinal, esse levantamento da parte central do peito só acontece quando a paciente coloca um silicone exagerado.

perguntas frquentes prótese de silicone

Quando a paciente aceita a orientação do médico e coloca um silicone proporcional ao seu corpo, esse problema não acontece.

Enfim, todas as outras complicações são prevenidas com muito sucesso quando a paciente faz a sua parte na recuperação.

Ao cumprir o repouso à risca, conforme a recomendação do cirurgião, ela não precisa se preocupar com infecções, com o deslocamento da prótese e com a maioria das cicatrizes inestéticas.

Apenas o queloide tem como causa uma predisposição genética. Todas as outras cicatrizes largas ou altas têm como motivo a falta de cuidado e o excesso de esforço no pós-operatório.

Ainda assim, aos primeiros sinais de alargamento da cicatriz, existem tratamentos que podem ser feitos para reverter esse processo.

E mesmo em relação ao queloide, caso sua tendência hereditária seja significativa, existem técnicas para posicionar a incisão estrategicamente em locais do corpo com menos propensão a apresentarem esse problema.

Outra possibilidade é fazer a incisão nos locais comuns, mas tratar a região com medicamentos e outros recursos para evitar o queloide, como a betaterapia.

Realizar o sonho ou ficar paralisada pelo medo?

Portanto, a verdade é que o risco de complicações é tão pequeno que não vale a pena adiar um sonho por medo de algo que dificilmente acontecerá ou que pode ser solucionado.

Entendeu por que você não precisa temer as complicações do pós-operatório? Quer saber mais sobre esse período de recuperação?

Então, não perca tempo! Corra agora mesmo para o nosso artigo completo sobre o pós-operatório do silicone e saiba o que fazer para garantir o melhor resultado para sua cirurgia!

Silicone Center - Logo

Idealizada por médicos especialistas em cirurgia plástica, o Silicone Center é uma Clínica de Cirurgia Plástica que facilita o acesso à mamoplastia de aumento e abre portas para que um maior número de mulheres possa se sentir bem com o próprio corpo.
Responsável Técnico: Dr Wagner Montenegro | CRM 51.769

Compartilhe !

Aumento de Mamas Silicone Center


Fale Conosco Pelo Whatsapp


Quer dar um turbinada nos seus seios ? Acesse já o site do Silicone Center, preencha o formulário abaixo ou clique nas imagems abaixo e faça nosso teste e baixe nosso e-book grátis !!


    (Preencha, envie e aguarde a confirmação)


    Turbinar ou não turbinar

    Tudo o que você precisa saber sobre Próteses de Silicone

    Simulador de Próteses de Silicone

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *