Tipos de prótese de silicone: superfície dos implantes tem variações

Nos ajude e Avalie Este Post !

Aqui no blog você já viu que existem diferentes tipos de prótese de silicone. A maioria das características como tamanho, formato e perfil está relacionada ao resultado estético da cirurgia.

Ou seja, essas diferenças vão fazer os seios ficarem mais ou menos turbinados, destacarem bastante o colo, garantirem uma certa discrição ao resultado ou ainda fazer com que as mamas fiquem bem projetadas.

Porém, neste post nós vamos falar de outra diferença: a textura da prótese. Quer saber qual é a importância dessa característica? Continue a leitura e tire suas dúvidas.

Superfície lisa

Hoje em dia, todas as próteses para mamas usadas no Brasil têm a mesma composição: gel coesivo de silicone. No entanto, existem diferentes tipos de superfícies à disposição no mercado.

A primeira que vamos mencionar não é mais comercializada, pois foi descontinuada. Trata-se da prótese lisa. Porém, muitas mulheres que colocaram silicone há mais tempo ainda têm esse tipo de implante nos seios.

Quando a superfície da prótese é lisa, ela não tem uma boa aderência ao tecido natural do corpo. Assim, quando o médico faz a abertura e insere esse implante na paciente, há mais chances de o organismo gerar uma reação indesejada.

Por isso, na época em que essa prótese era utilizada, havia uma ocorrência maior de contratura capsular e de rejeição. Esse foi o principal motivo para a descontinuidade.

Superfície de poliuretano

A prótese de poliuretano é uma opção muito melhor que a de superfície lisa. No entanto, a quantidade de médicos que utilizam esse tipo de implante de silicone também não é muito grande.

Como o nome diz, essas próteses recebem uma camada de poliuretano vulcanizado na parte externa. Assim, suas superfícies ficam parecidas com a do velcro.

A vantagem desse tipo de prótese é que ela adere muito bem aos tecidos internos. Por isso, o risco de contratura capsular e rejeição se torna baixíssimo.

No entanto, essa prótese tem uma desvantagem: a dificuldade para colocá-la durante a cirurgia é maior. O cirurgião frequentemente precisa fazer uma incisão maior, pois ela não desliza como as outras no momento do encaixe.

Tipos de prótese de silicone: superfície texturizada

Finalmente, a opção mais usada no mercado hoje é a prótese de silicone texturizada. Ela tem a superfície levemente rugosa, que também garante uma boa aderência aos tecidos internos.

Portanto, ela tem as mesmas vantagens da prótese de poliuretano, mas não apresenta as mesmas dificuldades.

Quem coloca uma prótese texturizada pode esperar:

  • segurança;
  • redução nas chances de rotação;
  • índice baixíssimo de casos de contratura e rejeição;
  • facilidade de cicatrização.

Por isso, entre os diferentes tipos de prótese de silicone, a de superfície texturizada é hoje a preferida pelos cirurgiões.

Entendeu qual é a diferença entre os tipos de próteses de silicone que existem no mercado? Quer saber qual é a melhor opção para você? Continue aqui no blog e confira nosso post sobre esse assunto!

Quer dar um turbinada nos seus seios ? Acesse já o site da Silicone Center , preencha o formulário abaixo ou clique na imagem clique na imagem e faça o teste mais abaixo !!


(Preencha, envie e aguarde a confirmação)


Turbinar ou não turbinar

Quer dar um turbinada nos seus seios ? Acesse já o site da Silicone Center , preencha o formulário abaixo ou clique na imagem mais abaixo e baixe nosso e-book grátis !


(Preencha, envie e aguarde a confirmação)


Tudo o que você precisa saber sobre Próteses de Silicone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *