Pós-operatório mamoplastia de aumento: descubra se tatuagens devem ser evitadas neste período!

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Tatuagem deixou de ser tabu. Por isso, para algumas mulheres, exibir esses desenhos artísticos na pele também se tornou um sonho. Mas será que é recomendado fazer esse procedimento no pós-operatório da mamoplastia de aumento?

Se você também tem essa curiosidade, continue a leitura! Vamos explicar como é a cicatrização da tatuagem e os riscos que o procedimento oferece. Assim, você saberá o que deve ou não evitar no seu pós-operatório da mamoplastia de aumento.

Existe risco de infecção após a mamoplastia de aumento?

É importante lembrar que, durante o pós-operatório, o corpo está em recuperação. Houve uma lesão controlada dos tecidos da mama, que passará por todo um processo de cicatrização.

Por isso, todo o esforço é válido no sentido de garantir a regeneração dos tecidos o mais rápido possível. Evitar infecções também é fundamental.

Naturalmente, as infecções nas mamas após o silicone são raras. Elas giram em torno de 2% das cirurgias realizadas no mundo todo. Os sintomas são vermelhidão, dor, calor, febre e secreção.

Embora as infecções sejam raras, algumas atitudes da paciente podem aumentar as chances de esse problema acontecer. Afinal, focos infecciosos em outros pontos do organismo entram na corrente sanguínea e se instalam nas mamas.

Assim, um problema que se iniciou longe das mamas chega às próteses. Nesses casos, como os implantes mamários são corpos estranhos ao organismo, o cirurgião precisa retirá-los.

Então, a paciente que tem uma infecção que chega à prótese acaba passando por três cirurgias: a primeira, que colocou os implantes mamários. Uma segunda, para retirá-los devido à infecção e uma terceira para inserir uma nova prótese.


Tudo o que você precisa saber sobre Próteses de Silicone

As tatuagens aumentam o risco de infecções no pós-operatório mamoplastia de aumento?

Você com certeza percebeu como é importante evitar infecções no pós-operatório. Essa não é uma tarefa difícil, pois como mostramos, acontece em poucos casos.

Porém, para não aumentar os riscos, a paciente precisa seguir uma série de instruções à risca. Também é necessário evitar situações que são potenciais causadoras de infecções.

Uma dessas medidas para evitar infecções é a tatuagem. Apesar de haver muitos estúdios que seguem todas as recomendações de higiene e cuidado, esse procedimento pode causar problemas.

A infecção depois da tatuagem pode acontecer por vários fatores. Em alguns estúdios, a higienização adequada da pele, do material e dos equipamentos não acontece antes do procedimento.

Além disso, algumas pessoas sofrem de infecções porque não cuidaram adequadamente da própria pele após o procedimento. O fato é que os riscos são altos, pois 20% das pessoas (1 em cada 5) pega alguma infecção depois da tatuagem.

E como nós já explicamos neste mesmo post, o foco de uma infecção pode viajar pela corrente sanguínea e se instalar nas mamas, causando um grande transtorno e até a retirada da prótese. Vale a pena correr esse risco?

É recomendado fazer uma tatuagem nos seios após o silicone?

Também é importante destacar, caso a tatuagem seja realizada no seio ou em regiões próximas a ele, o risco é potencialmente maior. Lembre-se que os tecidos da mama estão em processo de cicatrização, e não deveriam sofrer uma nova agressão.

Também é importante destacar, caso a tatuagem seja realizada no seio ou em regiões próximas a ele, o risco é potencialmente maior. Lembre-se que os tecidos da mama estão em processo de cicatrização, e não deveriam sofrer uma nova agressão.

Uma tatuagem cria automaticamente um quadro de inflamação. Além do ferimento causado pelas agulhas e instrumentos, a própria tinta é um corpo estranho para o organismo.

Por isso, logo após a tatuagem as células do corpo tentam expelir o pigmento. A tatuagem fica vermelha, dolorida, sensível e até mesmo inchada. É um procedimento agressivo, que não deve ser feito em tecidos que estão se recuperando de uma cirurgia ou em regiões próximas.

Todas essas razões explicam por que os médicos recomendam evitar tatuagens, principalmente entre o pescoço e a barriga, no pós-operatório mamoplastia de aumento. Portanto, espere esse período passar, informe seu cirurgião sobre sua intenção e aguarde a liberação dele para realizar o procedimento.

E mesmo depois da liberação, seja muito criteriosa quanto ao estúdio que realizará a tatuagem. Certifique-se de que os profissionais tomam todos os cuidados com a higiene e utiliza apenas produtos registrados na Anvisa.

Seguindo essas orientações, você conseguirá finalmente ter seu seio turbinado e a sua tatuagem para conquistar a aparência desejada e sem correr riscos desnecessários.

Entendeu por que evitar uma tatuagem no pós-operatório da mamoplastia de aumento? Quer saber mais sobre o período de recuperação? Confira nosso post sobre o tema!

Fale Conosco Pelo Whatsapp


Quer dar um turbinada nos seus seios ? Acesse já o site do Silicone Center, preencha o formulário abaixo ou clique nas imagems abaixo e faça nosso teste e baixe nosso e-book grátis !!


(Preencha, envie e aguarde a confirmação)


Turbinar ou não turbinar

Tudo o que você precisa saber sobre Próteses de Silicone

Simulador de Próteses de Silicone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *